Uma oportunidade e tanto

(Sem comentários pro título do post anterior, valeu por avisar Jel, o português tá f&*% e já corrigi :p)
Segunda não fui ao ballet e logo na terça de manhã Maya veio me falar " Luiza, sua louca, como você não veio ontem? Max Luna assistiu nossa aula e selecionou o elenco para dançar com ele." Max quem? Pelo que ela me falou ele é de Nova York e dá/deu aula para os melhores bailarinos modernos de hoje em dia, como moderno nunca foi minha praia eu nem esquentei a cabeça, mas pelo que ela me falou as meninas do ballet estavam se matando para serem escolhidas.
Já tinha me conformado com não dançar com ele quando vou para minha aula de ballet e vejo um baixinho fortinho falando inglês, era o próprio e ele ia nos dar uma aula. A aula foi bem boa. No início ele mau me enxergou mas de repente ele notou minha presença e não largou mais do meu pé! Falava toda hora "More energy! Do it harder! Be carefull wwith that! Dont do this!" Ahhh, shut the fuk up! Saí mau humorada da sala e logo recebi a notícia que ainda tinha mais uma vaga no elenco dele, nem esperanças de conseguir eu tinha depois de tanto gritar comigo. Doce engano, quando cheguei em casa recebi uma mensagem da Maya "Ouvi dizer que Max Luna está de olho em você, eu, Laura e uma outra menina, boa sorte pra gente!!" Mais uma vez não me enchi de esperanças porque a Laura era a moelhor no moderno e já tinha viajado horrores e tido aula com muita gente bacana.
Imaginem minha surpresa quando na manhã seguinte Fátima me liga: "Max Luna quer você no elenco!" mas minha alegria durou pouco "O ensaios já são esse fim de semana, se você não poder ir a TODOS me fale agora não você nem participar" Quando falei do encontro do Rotary ela me sugeriu conversar com ele.
Quando fui almoçar percebi que todos já sabiam que ele tinha me escolhido, meus colegas de classe vinham me dar parabéns e minhas colegas de ballet também. As minhas amigas me davam parabéns sinceros, já as que disputavam a vaga comigo nem tanto, dava pra perceber o tanto que elas queriam me matar, principalmente a Laura.
Para conversar com ele tive que ficar até de noite na escola, o que não foi nada legal, mas valeu pela Maya. Agente estava conversando não sei como veio o assunto e eu disse "Ah, espero falar dinamarquês logo, todo mundo fala que fica bem mais fácil fazer amigos" ela ficou um tempo calada e disse:
-Eu não quero que você fale dinamarquês...
-Por que?
-Não quero que você arrume muitas amigas e me deixe de lado
- Claro que nunca vou fazer isso né? Você sempre será minha melhor amiga aqui
Silêncio...
-Mas sabe de uma coisa, um monte de gente vem me falar que é doido pra falar com você, vivem me perguntando como conversar com você e o que falar, mas acho que eles ficam meio tímidos.
Eu achei um amor!! Tanto ela quanto as outras pessoas da minha escola.
Depois de um jantar super agradável com o pessoal da minha sala fui conversar com Max, expliquei toda a situação com o maior cuidado e ele? Falou da maneira mais indiferente do mundo, do tipo: eu não perciso de você.
A conversa foi curta mas foi o bastante para me fazer sentir mal... muito mal. Por mim não iria ir na droga do Get together, por causa disso iria perder duas festas e uma oportunidade de ouro! Mas o Rotary já tinha pago por mim.
O jeito era me conformar e tentar fazer com que o final de semana valesse a pena...

Ok, tenho só mais uma coisinha para contar antes do Get together, e essa coisa influenciou boa parte do fim de semana.

Comentários

Adrienne disse…
Nossa Lu, q legal, eu sempre quis chamar atenção dos outros de alguna forma para que me escolhessem para fazer alguma coisa, mas ningém nunca me chamou pra nada... Estou tão feliz por você... quero que se interaja sempre aí com as pessoas para que nunca se sinta só igual a eu como estou me sentindo agora, jah me mudei pra Salvador e não conheço niguém por aqui, fico o tempo todo no apê sozinha sem poder sair pq tenho vergonha de andar só... Mas espero que isso um dia mude... Estou feliz por vc!
se cuida e precisando levar un papo, toh por aqui, é só marcar e a gente conversa via net tah amigunha predileta da net!

beijo beijo e sorte
Gabriela Rohde. disse…
Luiza eu não falo titicas de inglês, pode traduzir a frase pra mim? .-.
Erica Ferro disse…
Esse Max ainda vai se ferrar na vida, pra deixar de ser tão estúpido e imponente. E eu torço por isso; não pra que ele se ferre, mas pra que ele aprenda a tratar as pessoas com mais consideração e respeito.
E, mais, pra ele saber que todos, todos mesmo, precisamos uns dos outros. Um dia, precisamos, isso é fato.

Não fique mal por isso, Lu.
Não vale a pena ficar perto de pessoas assim. Não mesmo.

Torço por ti.
Grande abraço.
Ana Sofia disse…
Nossa Luiza... q pena hein?1 =/ sinto por vc... mas isso não quer dizer q outras oportunidades não virão, num eh?!
aproveita bastante!
bjo
Teresa disse…
apooosto que um dia ele vai precisar e muito de você e vai deixar essa estupidez de lado! que ignorante, credo! :x
não fique mal por gente assim. você não merece passar por isso jamais!

e como assim, vc tem algo pra contar e não conta? ahhaha
beijos, te amo
Ana Seerig disse…
Bah, pense o seguinte: quem sai perdendo foi o cara. E, de qualquer modo, temos que abrir mão de certas coisas por causa de outras. Tenho certeza que não vai ser tão ruim assim...

Ai, que legal o pessoal todo querer falar contigo! Logo, logo tu vai estar expert em dinamarquês, tu vai ver só...

Bjoo

Postagens mais visitadas