Introcamp, parte 2

Seus curiosos, ia deixar vocês sem notícias por um tempinho, mas o pessoal do msn me encheu tanto o saco que tive que adiantar a narrativa, hahahahah. Se você está chegando agora não comece a ler daqui porque você não vai entender nada.
Então, veio o dia seguinte e cheguei na mesa do café da manhã e todo mundo estava com aquela de "eu sei o que você fez noite passada" e começaram: é mineirinha come quieto.
Ahhh me larga né? Eu sou a mais pura e casta e tenho que escutar isso logo pela manhã?
Anyway, Jake passou direto por mim, nem olhou na minha cara, eu não liguei, achei ridículo da parte dele, mas deixei para lá. Até que a May veio me contar que ele, no meio da noite, começou a gritar pela janela do quarto dela perguntando se eu estava por lá. Ficamos conversando no corredor e ele passou por mim com a cara mais sem graça do mundo! O colega de quarto gatíssimo dele me deu bom dia e eu respondi "good morning boys" Jake ficou toooodo tímido mas pegou na minha mão e saiu. Raxei do romance infantil.
Aula de dinamarquês, almoço e mais tarde iríamos para Viborg passear. Estávamos eu e May andando pelo corredor quando Jake e Matt(o colega de quarto) passaram pela gente, de repente eles mudaram a rota e vieram atrás da gente. A partir desse momento o Jake virou meu rabo do introcamp, sério! O menino não saía mais de trás de mim!! Ai ele veio falar que não conseguiu dormir na noite anterior pensando que eu não ia mais falar com ele, que eu deveria estar bêbada e que Matt quase o matou porque ele não calava a boca. Nha, nha, vocês já sabem, ficamos de novo.
Fomos para Viborg eu com Jel, May com Matt e Jake na frente enchendo o raio do saco, comecei a perceber que tinha ficado com um hiperativo de marca maior.
Durante todo o passeio eu, May e Jel andávamos fazendo tudo que agente tinha vontade e os rabos Jake e Matt vinham atrás, no final tava até dando dó porque agente estava vendo altas lojas de mulher e os dois com a maior cara de perdido.
No ônibus de volta eu perguntei pra ele se Matt ficaria com uma amiga minha, ele disse assim:
-Eu não sei, ele é muito tímido...é porque ele ainda é virgem sabe?
-E que que tem?
-E ele tem vergonha disso porque ele tem quase 18 anos
-Que bobeira
-Perai, você é virgem?
-Sou
Ele me olhou com cara de maior espanto do mundo, como se eu fosse uma aberração
-Pode parar com essa cara Jake, não tem nada de mais!
-É que é estranho
-Estranho nada! É diferente...aliás, nem diferente é.
-É só porque você já tem quase 18 e é linda e já ficou com caras mais velhos, não sei como...
-É porque eles me respeitavam.
Ai ele calou a boca e foi calado por um bom tempo.
De volta ao acampamento Jake não largava mais do meu pé, queria ir para tudo quanto é lugar comigo e como fui para o quarto da Jel ele veio atrás e ficou lá até a hora de sair de novo com a maior cara de idiota porque agente só ficou conversando em português, sobre ele claro, e ele não entendia necas.
Mais tarde fomos ao boliche. Minha primeira vez em um boliche de verdade, antes só tinha jogado um com uma bolinha minúscula e três pinos. Nem preciso de descrever o desastre ne? Mas foi bem divertido.
De volta ao camp Jake já me esperava, mas não estava nem um pouco afim de ficar com ele, fui pro quarto da Jel.
No dia seguinte acordei com um sono sem igual, e nem foi o dia que dormi mais tarde, não estava aguentando nada, cheguei no café da manhã sem nem saber o que estava fazendo alí. Aí Jake veio com o amiguinho louco dele, Hunter, sentar ao meu lado. Ai eu escuto:
-Ela entende inglês?
-Sim, mas se você falar bem rápido e com gíria ela não entende
Na boa, no sono que eu estava podia falar português pausadamente que eu não ia entender necas.
Só escutei ele falando minha idade, depois Hunter perguntou se agente já tinha transado, Jake disse que não e depois falou que eu era virgem, Hunter olhou pra mim com a maior cara de espanto. Eu fiquei muito brava com essa infantilidade.
Sai da mesa e fui pro quarto da Jel dormir porque as aulas só começariam mais tarde naquele dia. Ele veio atrás de mim:
-Ei! Onde você está indo?
-Vou dormir no quarto da Jel
-Vem tirar uma soneca no meu quarto então
-Não
-Porque?
-Olha Jake, se você ainda está comigo porque acha que vai ter sexo sinto muito, pode parar de perder seu tempo, você não vai ter mais que isso
-Eu sei! Não vou te obrigar a nada! Acho muito legal que você se respeite e te respeito também.
Fui dormir, no quarto da Jel.
Mai tarde, tudo normal, mas de noite as atividades iam ser diferentes. Poderíamos escolher entre ping-pong, piscina, fogueira e volley (acho). Eu disse pro Jake que iria pra piscina porque sabia que era o último lugar que ele iria, mas fui pra fogueira. Lá foi muito bom! O pessoal estava cantando e tocando violão em volta da fogueira e ficou todo mundo junto. Mais tarde assamos pão no fogo, tudo uma delícia. Depois Jake chegou. Eu já estava reclamando, achando que ele iria vir com as chatices de sempre, mas de alguma maneira ele estava diferente. Não veio com safadezas e não sei como, o beijo estava mais brasileiro e ele estava mais carinhoso. Ele sempre vinha com aquelas brincadeiras habituais e eu falei
-Você sempre está brincando né?
-Pode ser, mas não estou brincando quando digo que você é a menina mais incrível que já conheci.
Foi o sufiente para ficar com ele o resto da noite, na maior paciência.

Chega por hoje né? Obrigada do fundo do meu coração a todos que sempre estão por aqui!!

Todo mundo tá meio leza nessa foto mas tive que colocar a foto dos "casais" ahhahahaha pra quem ainda não adivinhou, esse é o Jake

Eu e Jel em Viborg

Jel, Brendan (Brannan?) e eu no boliche

Fogueira

Comentários

marie disse…
Lu com todo respeito,mas esses meninos. Oh vontade dar uma bolacha.Como se virgindade fosse doença ou algo assim?!?!Não sabia que esses acampamentos eram assim. Nossa como sou ultrapassada.=/
Marina disse…
em hoMENAGEm (auhsuahs trocadalho do carilho -lú se vc rir igual galinha dessa vez t espanco-)retomando, em homenagem ao qrido e amado Mionzinho, na primeira foto vc tah me lembrando sabe qm? sabe? sabe?
TIOZÃO UNDERVISIIIIIIOOOOOOOOON!
oh yeah huuuuusmaaaaack nenem!
ashaushuahsu
saudades dissooooo
bjão lu
te amoooo
Teresa disse…
'-Pode ser, mas não estou brincando quando digo que você é a menina mais incrível que já conheci.
Foi o sufiente para ficar com ele o resto da noite, na maior paciência.'
aaaaaaaaaaaaa q graça *.* hahahahaah


q coisa horrorosa esse povo dai em? eles sãp pooouco pra frente né? ADOOOORO sua sinceridade! kkkkkkkkkkkkkkkk

;pp

beeijo luu, saudades!
Erica Ferro disse…
Adoooorei mais essa parte do introcamp. Tem mais, né?
Quer dizer que o Jake aprendeu a beijar mais decentemente?
Que bom, então. *-*

:*
rachel disse…
luhh!
passo aqui sempre vs sabe..
o post e mto grande..
da preguissa de comentar tudo(mas eu tah!?)
o jake e ate bem bonitinho neah!?
mas aqui..
novidades : nada a ver ta fando aqui..
mas ja que gosta eu vou te avissar..
to comecando no ballet do minas!rsrs
sua prima, sempre por aqui..
bjs kel!
Ana Sofia disse…
é Luiza, tá podendo hein?! loirinho loirinho.. hueaue
beijo!
D disse…
ahhh pq eu nao li antes isso? nossa que lindo padova me emocionei...
romanceee rsrsrsr
hj resolvi botar seu blog em dia,mas estou frenetica,pq acabei lendo tudo denovo...isso daqui vicia cetadoidoooo
luv ya me friend

Postagens mais visitadas