Um vento do c#$%& e um anjinho

Estou nas escadas do predio Sydfløj esperando pela aula de Espanhol que ja deve comecar. Ha pouco tempo atras estava em um mal humor sem igual mas agora estou bem.
Depois do desespero basico de ontem ja estava esperando um dia melhor, voce sabe, aquela velha historinha da tempestade e da bonanca comigo quase sempre funciona.
Mas acontece que acordei atrasada e sai toda amassada e hoje a Christina foi pra aula tambem e a escola dela eh mais longe que a minha entao Birgitte me deixa aqui primeiro e hoje cheguei aqui mais de meia hora mais cedo!!!
Se fosse uma escola normal nao ia ter ninguem por aqui, o que acho que ia ser menos pior, mas o pessoal mora aqui entao quando cheguei o pessoal ainda estava levantando para tomar cafe!! E eu la, prontinha, de mochila nas costas indo pra aula. Nem preciso falar com que cara que eles olhavam para mim ne??
O pior mesmo foi chegar aqui no predio e descobrir que estava fechado! Tive que ficar no degrau da frente aguentando um vento terrivel e as pessoas olhando para mim eu soh pensando que no inverno vai ser mil vezes pior.
Ja estava dando uns chingos nada basicos quando um menino veio se aproximando, ele me viu e voltou para seu dormitorio, saiu e entrou de novo, depois veio andando bem devagar olhando pra mim e eu ja estava achando que eu estava com algo muito estranho na cara, tipo monstruoso! Ele abriu a boca e eu ja estava preparendo um "I don't speak Danish" quando ele falou em ingles:
-Voce eh a menina brasileira ne? Ainda nao tive a chance de te encontrar...
-Sim, sou Luiza.
-Eu sei, sou Daniel, eh um prazer te conhecer.
Ai ele sentou ao meu lado e conversamos bastante e ele me contou que ja foi ao Brasil.
Ficou comigo o tempo todo ate que uma mulher do colegio viu que eu estava congelando e veio abrir a porta pra mim.
Voces podem estar achando um exagero o quanto fiquei feliz por isso, mas voces entendem o que eh isso em um pais europeu? Em um pais que as pessoas nao sao nem um pouco calorosas e nao se interessam por pessoas de outros paises como nos fazemos no Brasil. E mesmo no Brasil eh muito bom quando uma pessoa ouve falar de voce e tem vontade de te ver e conversar com voce. Sem contar que ele me fez compania e espantou o tedio mortal.
Entao sei que Deus separou as pessoas certas para cruzar meus caminhos nas horas certas.
Ninguem disse que isso seria facil nao eh mesmo? Mas vai ser bom...
Bom tenho quer ir, ja escuto os Buenos Dias! da professora.

Alguns dos dormitorios da escola


A parte de fora do refeitorio.

Comentários

Andei tão afastado do mundo virtual que quando vi essa sua postagem me dei uma super bronca por não ter visto, passo a passo, da sua chegada na Europa, mil desculpas.

Quando os ventos fortes trazem anjos devemos dar-lhe boas vindas e sermos abençoados, fico feliz por te-lo feito.

Outros anjos estão plantados no teu caminho, sei disso.

Estarei afoito por mais noticias suas. Como não sei que horas são aí, fico com um "Bom fuso horário", ou "Hasta Luego", ou até "Bon Journê"! Hahahhahahaha!

Beijo.
Erica Ferro disse…
Ah, que bom que esse Daniel surgiu pra alegrar o ambiente e te tirar do tédio... ^^

Ah, essa Dinamarca é linda assim mesmo, é?
Eu amo as fotos.

Beijo.
kel *-* disse…
ain amr..
so uqero que saiba que eu seeempre,seempre, seempre, toodos os diias to entrando no seu blog..
quando nao comento e pq vs sabe que sou bemm sem criatividade!
mas todos os seus posts mexem comigoo..
uns me fazem dar gargalhadas aqui na sala de tv sosinha igual uma loka,mas por outro lado alguns me deixam tristes...
mas sei que vai ficar bem..
sabe..
meus coments tao ficando toodoos quanse iguais.. =p
mas to aqui toodoo diia!
e que escola MA-RA eiin!?
rachel disse…
ouu..
ja sou seguidora a um tempooo..
mas nem sei colocar minha foto no meu coment..
bjinho kel..
MariaFlor disse…
Eii Luluzetes! Querida, eu sei que nesse começo é muita coisa nova para assimilar e pensar que isso tudo vai durar um ano parece que será uma eternidade, mas as coisas por aí vão se acertar. É como vc falou, vc está há muito tempo em função da viagem então vc deve fazer valer tudo! Aproveite mesmo, por que daqui a um ano vc vai voltar e tudo estará aqui como vc deixou, uma dela é a gente! Estamos aqui torcendo para que TUDO DÊ 100% CERTO AÍ!
te amo, beijos
Cih.
Adrienne disse…
Graças a deus, uma luz no meio do nada hein!
mas vai melhorar, é q é tudo início, e qnto ao frio! AH! essa vc superaa!
hehehehehehe

beijo beijo Luluzinhaa
***Düdää*** disse…
eeeeii luhhh
q saudades q eu estouuu
" eu vo morre, eu vo morrer..."
ahuahauha
q bom q o guri lá foi falar com vc
é mais uma amizade
e mais um motivo pra vc seguir em frente
estou feliz por vc ai
pelo menos ai vc n chega 9843 horas atrasada, pelo contrario, é exemplar
ahuahau

bjaoo lindinha
=]
mari disse…
"Nada como as palavras para aqueçer o coração". Que bom que o Daniel apareceu para conversar com você! Menina esse dormitório é maior que meu ap. Nossa lindo e muito legal.Imagina dormir e acordar com uma paisagem dessas.:D
Mαrih ♪ disse…
Luiza,
Adorei saber das novidades. Acho que você tem que tentar se enturmar mais, entender mais dinamarquês ou ensinar inglês pro povo :)
Ah, responde minhas perguntas da última vez, agora minha curiosidade tá aumentando *-*
Beijos de uma fã que te deseja toda a sorte do mundo, aí nessa outra parte do mundo :**
Ana disse…
Nossa que menino simpático, aqui realmente eles não se interessam por nada, é impressionante, no Brasi a gente sempre procura conhecer todo mundo, aqui parece até que a gente não existe.
Mas ainda bem que existem pessoas simpáticas e como uma simples conversa ou um simples interesse de outra pessoa nessas horas pode ser tão importante pra gente